Paulo Henrique Rodrigues Pinheiro

Blog sobre programação para programadores

Intolerancia

Salamalaia

Lembrei-me de um fato que vivi como vítima de intolerância e desrespeito e preconceito.

Foi lá em Curitiba, após acabar o culto de quarta-feira, na central da CCB – Congregação Cristã no Brasil, que por ser um culto à tarde, é frequentado principalmente por pessoas mais idosas.

No ponto de ônibus, cheio de irmãos e irmãs, esperando o inter-bairros (essa é uma lembrança ruim de Curitiba 😛 ), passa um sujeito de bicicleta, encarando todos e cantarolando bem alto “Eu prefiro ser, essa metamorfose ambulante, do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo”…

Sem dúvida, um desrespeito, um ato de intolerância vulgar e medíocre.

Mas o cômico disso, é que o sujeito que fez isso, era uma cópia mal feita do Raul Seixas.

Uma caricatura, aqueles sujeitos que de tão idólatras, tentam ficar fisicamente parecidos ao objeto de adoração.

Então pensei comigo: Caramba, há décadas esse sujeito deve se vestir e tentar manter o visual parecido com o do grande Raulzito, repetindo suas ideias de forma mecânica e descontextualizada.

E ele ainda tem a coragem de se achar uma metamorfose ambulante? De não ter velhas opiniões formadas sobre tudo?

Sabe nada de Jesus, sabe nada de Raul. É um traidor do movimento! 🙂

A irmandade ali nem deu bola pra ele, eu fui embora dando risada pelo ridículo ato do sujeito.

Salve Raul, Glória a Deus!


Compartilhe:



Mantenha contato:

e-email twitter github