Paulo Henrique Rodrigues Pinheiro

Blog sobre programação para programadores

Pensamentos, antes de encontrá-la

Amor


Conhecer tão profundamente
desconhecendo a intimidade
Ir aos mais longínquos segredos
sem nenhum acesso ao cotidiano

Não conhecer
e portanto confiar
Não falar nem escutar com os olhos
e mesmo assim ser cúmplice

Não cheirar
não sentir
não escutar
mas desejar

Trocar confidências
fazer confissões
e ficar mais curioso

Não estar perto
e lutar pra vencer a distância
corpos distantes
almas unidas

Bendita modernidade
Não fosse assim
como teria encontrado essa mulher?


Compartilhe:



Mantenha contato:

e-email twitter github